quinta-feira, 25 de abril de 2013

Alimentação nos Tempos Bíblicos III - A Sopa de Cevada







Sopa de Cevada

O cultivo da cevada existe desde os idos de  7000aC,  6000 aC, na região do atual oriente médio, e era o principal cereal empregado na alimentação humana, sendo, mais tarde, substituída pelo trigo  Era um dos mais importantes cereais da Palestina, nos tempos de Jesus. Seu nome, em hebraico, significa “cabelos longos”, e o seu elevado consumo devia-se ao seu preço, bem mais baixo do que o do trigo. 

Por isso, era muito utilizado para alimentação dos animais e dos mais pobres. Seu cultivo se dava no Egito e na Palestina, plantada na época das chuvas de outono ( outubro e novembro), com a sua primeira colheita na páscoa, no mês hebraico do abibe ( março, abril). 

Há 36 referências à cevada na Bíblia, das quais três no Novo Testamento ( João 6.9 e Apocalipse 6.6). 

Hoje, por aqui, ela é facilmente encontrada nas lojas que vendem produtos naturais. A cevada é bastante energética, indicada para os dias mais frios. Além disso, por ser rica em vitaminas B1, B3 , selênio, ferro, fósforo, zinco, cobre e vitamina E ela ajuda na hidratação da pele e na regeneração celular, sendo importante para a manutenção de uma pele saudável.

Há várias maneiras de se consumir a cevada, uma delas é em substituição ao café, mas um outro modo bem saboroso de se consumir o grão é em forma de sopa, cuja receita passamos aqui. 

Sopa de Cevada 

Ingredientes: 
1 xícara de cevadinha; 1 e ½ litro de caldo de carne; 1 cebola picada; 2 dentes de alho espremidos; 3 colheres de sopa de azeite; 1 colher de sopa de salsa picada; 2 tomates, sem pele e sem sementes, picados; 1colher de chá de cominho; 1 colher de sopa de hortelã picada; sal a gosto. 

Preparo: 
Leve a cevadinha ao fogo com o caldo de carne até levantar fervura e depois deixe em fogo baixo para cozinhar, adicionando mais água sempre que necessário ou então cozinhe em panela de pressão por 15 minutos. 

Refogue a cebola e o alho no azeite. Acrescente os tomates, refogue um pouco mais e junte à cevadinha já cozida. Cozinhe mais um pouco e acrescente então o cominho, a salsa e a hortelã. Sirva acompanhada de torradas.

Essa é uma refeição muito apreciada na região da Palestina até os dias de hoje. Que tal experimentar?

Fernando Marin

Nenhum comentário:

Postar um comentário